CRCAC REALIZA DEBATES SOBRE CÓDIGO DE ÉTICA EM MUNICÍPIOS DO INTERIOR

50

O Conselho Regional de Contabilidade do Acre realizou mais uma etapa do projeto “Orientar é Melhor que Penalizar”, por meio de “Bate Papo Ativo”, levando a mais dois municípios do estado as discussões sobre as mudanças recentes no Código de Ética dos Profissionais da Contabilidade. Senador Guiomar e Plácido de Castro foram as duas cidades visitadas nesta etapa, que contou com a presença do presidente do CRCAC Tiago Rosella, e do vice-presidente da Câmara de Fiscalização, Ética e Disciplina, Adauto Feitoza.

O objetivo do projeto é levar informação à classe contábil, orientando os profissionais sobre a postura que devem adotar perante o mercado de trabalho, bem como no relacionamento com o cliente e com os próprios colegas de profissão. “Nosso objetivo é esclarecer as dúvidas dos profissionais, de modo que todas as mudanças no Código de Ética sejam perfeitamente compreendidas pela classe, evitando que o profissional sofra uma autuação do Conselho por descumprimento de algum item. Na oportunidade conversamos pessoalmente com o Prefeito de Senador Guiomard e com a Presidente da Câmara de Vereadores de Plácido de Castro, e destacamos as violações e as consequências da contratação de pessoas sem registro no CRC, na execução das atividades privativas da classe Contábil. ” explica o presidente do CRCAC Tiago Rosella.

Entre os temas abordados nesta etapa do “Bate Papo Ativo”, foram debatidos pontos como: os perigos da mercantilização da profissão, concorrência desleal, segurança contratual, o uso de recursos tecnológicos para a execução do trabalho, etc. Para o vice-presidente da câmara de Fiscalização, Ética e Disciplina do CRCAC, Adauto Feitoza, a forma como as discussões forma encaminhadas, com perguntas e respostas entre os participantes, potencializou o debate. “Foi muito esclarecedor para todos, uma oportunidade de aprofundar nosso conhecimento sobre as mudanças, e assim fazer com que os profissionais contábeis possam prestar um serviço cada vez melhor à sociedade”, enfatizou.